Destino: Cabo Frio / Destination: Cabo Frio

De Notas pessoais

Being translated

Tabela de conteúdo

Destino: Cabo Frio / Destination: Cabo Frio

Depois de quase 16 anos sem férias, hoje, dia 9 de Agosto de 2011 se iniciam minhas férias de 23 dias, um ano depois de ter sido contratado como funcionário novamente.

Durante esses 16 anos em que trabalhei como PJ, jargão para quem tem aquela empresa do "eu mesmo", eu recebi mais dinheiro, não posso reclamar disso, mas como praticamente 95% dos que entraram nessa condição, mudei meu estilo de vida, quando poderia ter feito meu pé-de-meia. Bem, mas isso é outra história que vou contar em outra ocasião.

Agora, estou planejando minhas merecidas férias. Dessa vez não vou para longe não. Pelo contrário, vou para uma pousada em Cabo Frio, onde pretendo descansar com minha esposa por alguns dias... Descansar e tentar perder uns quilinhos, haja vista, estou um pouco fora do meu peso ideal.

Porque Cabo Frio? Porque, com essa história de compras em grupo pela Internet, comprei uma semana de estadia em uma pousada em Cabo Frio por R$ 450.00. E o mais importante... Já paguei... E Cabo Frio tem alguns belos pontos turísticos e fica próximo de Búzios, Arraial do Cabo e outros pontos turísticos importantes do Rio de Janeiro. Bem, Vamos então prestigiar nosso Brasil...

Eis o que me espera em alguns dias:

After almost 16 years without vacations, today, August 9, 2011 to begin my 23 days vacation, one year after being hired as an employee again.

During these 16 years I worked as PJ, that is a jargon for the contractors, I got more money, I can not complain about that, but as almost 95% of those entering this condition, I changed my lifestyle instead of saving money to my retirement. Well, that's another story I'll tell you another time.

Now, I'm planning my deserved vacations. This time I'm not going away. Instead, me and my wife are going to spent a week in Cabo Frio, where I intend to rest with my wife for a few days ... Rest and try to lose a few pounds, considering I'm a bit out of my ideal weight.

Why Cabo Frio? Because I bought some tickets in a very low price using a group of buyers over the Internet, in thbis case, OfertaX. I bought a week's stay in a hostel in Cabo Frio for R$ 450.00. And most importantly ... It is paid already... And Cabo Frio has some beautiful sights and is close to Buzios, Arraial do Cabo and other major tourist attractions of Rio de Janeiro. Well, Let's honor our Brazil ...

Here's what I expect in a few days:

Praia do foguete.jpg
Praia do Foguete
Pousada.jpg
Pousada Ancorar - Vista da pousada


Bem, como moro na Zona Sul de São Paulo, vamos ter que madrugar no dia da saída, pois além do forte transito (Rush), tem o dia do rodízio do meu carro, estão temos que estar na Rodovia Dutra antes das 07h00 da manhã, para escaparmos da restrição do rodízio.

Bem, como trabalho com informática, conheço bem os recursos que dispomos atualmente, e assim, entrei no Google Maps e já detalhei o caminho que teremos que percorrer:

O Google Maps me disse passo a passo por onde devo ir a distância entre cada ponto, mostrando-me inclusive onde estão os pedágios. Não dá para errar...

Agora é só aguardar o dia da partida. (D-2)

Well, as I live in the south of São Paulo, we have to get up early when leaving, because there use to have a heavy traffic (Rush), and Thursday is the day of the restriction of my car, So, we have to be on Dutra highway before 07.00 in the morning to escape the constraint of restriction day.

Well, as I work with computers and know well the resources that we have today, I went on Google Maps and got the details on the jouney we have to go:

Google Maps told me step by step where to go, the distance between each point, even showing me where are the tolls. It is impossible to make any mistake ...

Now just wait for the day of departure. (D-2)

Destino cabo frio.jpg
Destino Cabo Frio


Dia D: Dia da partida para Cabo Frio

No dia da viagem, para evitar o "rush" saímos de casa às 05h30 da manhã. Não pegamos nenhum ponto de congestionamento até o início da Via Dutra, quando ouvimos pelo rádio que a pista expressa da Dutra estava em obras e havia um congestionamento monstro de mais de 5 Km (dos Km 225 ao km 220), e como eu não sabia qual era a saída para a pista local, obviamente pegamos a pista errada (expressa) e tivemos que enfrentar o congestionamento. Perdemos quase uma hora para percorrer o trajeto de 5 Km. Mas, férias são férias e enfrentamos esse primeiro obstáculo com humor.

Depois desse congestionamento os carros desapareceram como mágica. Perto de Arujá, vimos até um carro do Google Maps:

Cbf 001.jpg
Google Maps

Depois disso, paramos algumas vezes para tomar um cafezinho e não houve nenhum incidente. Abaixo algumas fotos que tiramos da Ponte Rio-Niterói:

Cbf 002.jpg
Rio de Janeiro

Este é um trecho da Ponte Rio Niterói:

Cbf 003.jpg
Ponte Rio-Niterói

Bem, aqui cabe um elogio para a concessionária Nova Dutra que cuida das estradas até Cabo Frio. As estradas estão muito bem conservadas e existem obras de melhorias em toda parte.

Finalmente chegamos até a Pousada Ancorar, numa viagem sem incidentes de quase 650Km. Abaixo estão mais algumas fotos da Pousada:

Cbf 004.jpg
Pousada Ancorar
Cbf 005.jpg
Pousada Ancorar
Cbf 006.jpg
Pousada Ancorar
Cbf 008.jpg
Pousada Ancorar no alvorecer. Podemos ver um cormorão em uma pedra no meio do lago.
Cbf 009.jpg
Pousada Ancorar no alvorecer. Podemos ver um cormorão em uma pedra no meio do lago (Imagem ampliada).

Em relação à pousada, o que tenho à dizer é o que segue:

Pontos positivos

  1. A pousada é de uma família que nos recebeu muito bem... Foram muito amigáveis e nos deram muitas dicas de passeios.
  2. É um ambiente rustico, muito bonito e muito limpo.
  3. O café da manhã era caprichado.
  4. Fica a meio caminho entre Cabo Frio e Arraial do Cabo. E como fica fora da cidade, é muito silenciosa à noite.
  5. Apesar de não ter estacionamento, fica numa rua sem saída e existe um vigia que cuida da rua à noite, Deixei meu carro na rua durante os seis dias, e não tive nenhum problema. A própria dona da pousada também deixa o carro na rua, da mesma forma que os vizinhos.
  6. Totalmente ligada à natureza, pois nos fundos da Pousada, existe um belo lago (lembre-se que ela fica na Região dos Lagos), com muitas taboas, e onde podemos ver diversos tipos de pássaros tais como a Biguatinga (cormorão), Garças e Gaivotas.
Cbf 007.jpg
Biguatinga, Vígua ou cormorão

Pontos negativos

  1. A cama era meio dura, e como eu estou acostumado com minha cama que é mais macia, era meio difícil dormir à noite.
  2. No banheiro de minha suite não havia box, mas uma cortina de plastico apenas.

Desejáveis

  1. Não tinha frigobar (obviamente não esperávamos um frigobar numa Pousada, mas que ele faz falta, ah, isso faz !!!

Depois de nos instalarmos na Pousada, fomos conhecer a Praia do Forte em Cabo Frio, e nessa oportunidade não tiramos nenhuma foto, pois já estava ficando muito escuro.

Descobrimos, nessa noite, que em Cabo Frio, Arraial do Cabo e Buzios, existe um sistema interessante de estacionamento, ou seja, assim que voce estaciona seu carro, vem uma pessoa uniformizada e te cobra R$ 5,00 e de dá um cartão que deve ser deixado no lado de dentro do para-brisas do seu carro. Com esse cartão, voce pode estacionar em praticamente qualquer estacionamento das referidas cidades, durante o tempo de vigência do cartão, sem pagar mais nada. Em Cabo Frio e Arraial do Cabo, o cartão vale por 4 horas, e em Buzios o cartão vale o dia todo (das 09h00 às 18h00). Note que o cartão de uma cidade somente vale para ela mesma e não para as outras duas.

Aproveitamos para conhecer os serviços disponíveis na prais, como os quiosques, e no Quiosque do Paulista pudemos provar uma deliciosa picanha fatiada servida em uma base de ferro muito quente, tendo como acompanhamento um arroz muito soltinho, farofa, fritas tipo McDonalds e o tal "molho de campanha" que na verdade é o "molho a vinagrete" paulista. O preço desse prato foi de mais ou menos R$50,00, para duas pessoas. Abaixo temos uma imagem ilustrativa do prato que provamos.

Cbf 010.jpg
Picanha com arroz, farofa, fritas (Do Zé da Picanha)

Depois de estarmos bem alimentados, fomos dar uma caminhada na Praia do Forte, onde havia bastante gente, apesar do vento forte que estava soprando.

Retornamos em seguida para a Pousada, e este foi o fim do primeiro dia de nossa jornada à Cabo Frio e Região dos Lagos.

Dia D+1: Passeio em Arraial do Cabo - Prainha

Prainha 00.jpg
Prainha - Arraial do Cabo
Prainha 02.jpg
Prainha - Arraial do Cabo
Prainha 01.jpg
Prainha - Arraial do Cabo
Pontal do Atalaia 01.jpg
Pontal do Atalaia - Arraial do Cabo
Pontal do Atalaia 02.jpg
Pontal do Atalaia - Arraial do Cabo
Rua Biquinis.jpg
Cabo Frio
Rua Biquinis2.jpg
Cabo Frio

Logo de manhã, após tomar o café na pousada, decidimos conhecer a Prainha, que é a primeira praia que encontramos ao chegar à Arraial do Cabo. Ela fica logo na beira da estrada com um declive que começa com de mais de outo metros de um lado da praia e termina no nível da rua do outro lado.

Logo ao chegarmos fomos recebidos pelo dono de um dos quiosques que nos indicou um lugar para estacionarmos e uma mesinha na praia. Estava ventando muito, e ao invés de ficarmos sentados tomando uma cerveja, eu e minha esposa fomos caminhar pela praia para conhecê-la. No lado onde o declive para a estrada é grande, a praia tem um ar de praia selvagem, com muitos cactos e rochas. Do outro lado, onde a praia está no nível da rua, percebemos um pouco de degradação, pois como a rua chega até a praia, existem algumas casas muito simples construídas na areia da praia, dando um "ar" de terras invadidas.

De qualquer forma, toda a praia é muito limpa, e segundo o dono do quiosque que nos recebeu, a limpeza da praia e principalmente dos banheiros do quiosque são permanentemente vistoriadas por agentes da prefeitura, pois são o cartão de visita para o Arraial do Cabo.

Bem, como estava ventando muito, e ao arriscarmos tocar na água percebemos que ela estava "gelada", decidimos entrar no quiosque, e ao solicitar o cardápio, notamos nossa velha amiga "picanha" novamente à um preço muito bom. E tivemos que fazer o sacrifício de saborear novamente a picanha servida na pedra, com fritas, arroz, farofa e o tal "molho de campanha"... Estava deliciosa.

Depois do almoço, resolvemos visitar o Pontal do Atalaia, que é uma das montanhas de Arraial do Cabo de pode ter uma visão fantástica das praias ao redor bem como da própria cidade de Arraial do Cabo.

A única observação que tenho em relação ao Arraial do Cabo, é que quando estive lá pela ultima vez há uns 20 anos, ele era meio selvagem. Hoje, está todo loteado, e onde deveríamos encontrar mata, encontramos muros... Uma pena... De qualquer forma, a visão que temos lá de cima é maravilhosa.

O tempo estava passando, e já de tarde, decidimos voltar para Cabo Frio e conhecer a famosa Rua dos Biquines, onde minha esposa pôde comprar umas belas peças de roupa à um preço muito acessível, por exemplo, um maiô que lhe caiu perfeitamente por apenas R$ 40,00.

Depois disso, à noitinha, retornamos para nossa pousada, onde pudemos descansar, pois na minha visão, nas férias deveremos cansar muito o corpo e descansar a mente...

Dia D+2: Passeio em Búzios

2011-08-13 10:00 Estacionamento Buzios 2011-08-13 10:15 Cerveja no bar do argentino 2011-08-13 10:30 Passeio de barco 2011-08-13 15:00 Almoço - O Chiringuito (Do argentino) 2011-08-13 15:00 Banheiro - O Chiringuito (Do argentino) 2011-08-13 15:45 CD de fotos 2011-08-13 16:00 Sorvete 2011-08-13 16:10 Mercadinho Buzios

Buzios Map.jpg
Mapa de Búzios

Dia D+3: Passeio em Arraial do Cabo - Praia Grande

Praia Grande 00.jpg
Praia grande, vista do Pontal do Atalaia
Praia Grande 01.jpg
Praia grande
Praia Grande 02.jpg
Praia grande
Praia Grande 03.jpg
Praia grande

Hoje, vamos conhecer a outra praia famosa de Arraial do Cabo, a Praia Grande.

Saímos logo cedo e em uns 20 minutos já estávamos em Arraial do Cabo. Seguimos as placas e chegamos à Praia Grande, onde também fomos recebidos por uma moça muito simpática, dona de um dos quiosques.

Compramos o cartão de estacionamento de R$ 5,00 e fomos para o local indicado pela moça. Ela nos disponibilizou uma mesinha e um guarda sol na praia e nos deixou uma geladeira com cervejas e refrigerantes.

Bem, é uma praia muitíssimo longa, a moça nos disse que a praia deve ter uns 40 Km. Ela pode ser vista nas fotos acima.

Como estava muito quente, provamos um sorvete muito diferente de tapioca, que estava tão gostoso que tive que repetir.

Passamos algumas horas na Praia Grande e depois retornamos para Cabo Frio para conhecer a Praia do Forte. Novamente, uma praia muito limpa e onde alguns surfistas estavam aproveitando as ondas.

Um ponto importante é que pudemos caminhar por um longo trecho da Praia do Forte, e por todo o percurso, encontramos agentes da prefeitura recolhendo detritos e mantendo a limpeza da praia.

Dia D+4: Passeio em Arraial do Cabo - Passeio de Barco

Passeio Barco Arraial do Cabo 01.jpg
Passeio de Barco em Arraial do Cabo
Passeio Barco Arraial do Cabo 02.jpg
Passeio de Barco em Arraial do Cabo
Passeio Barco Arraial do Cabo 03.jpg
Passeio de Barco em Arraial do Cabo
Passeio Barco Arraial do Cabo 04.jpg
Passeio de Barco em Arraial do Cabo
Passeio Barco Arraial do Cabo 05.jpg
Passeio de Barco em Arraial do Cabo
Passeio Barco Arraial do Cabo 06.jpg
Passeio de Barco em Arraial do Cabo
Dsc07214.jpg
Praia do Forte - Cabo Frio - Muitas algas vermelhas na praia
Dsc07220.jpg
Praia do Forte - Cabo Frio
Dsc07236.jpg
Praia do Forte - Cabo Frio - Podemos ver um pouco de algas vermelhas na praia
Dsc07237.jpg
Praia do Forte - Cabo Frio

Hoje decidimos passear de barco. A dona da pousada nos recomendou o passeio de barco em Arraial do Cabo, um passeio que dura umas 3 horas.

Aproveitamos a dica e fomos para lá.

Ao chegarmos em Arraial do Cabo, umas 09h30 mais ou menos, fomos diretamente para a praia dos barcos que vislumbramos outro dia lá do Pontal do Atalaia.

Ao chegarmos fomos recebidos por um senhor com uma prancheta que recebeu o valor do estacionamento, anotou a chapa do carro e nos indicou o local onde os passageiros para a próxima saída de barco já estavam esperando.

Tivemos sorte, pois o barco saiu logo ao chegarmos.

Era um barco pequeno, para umas 15 pessoas, e ao todo estávamos em 8. Assim, havia muito espaço para aproveitarmos a viagem.

O senhor que nos recebeu no estacionamento também nos acompanhou no passeio, e tanto ele, quando o piloto do barco, foram muito simpáticos durante toda a viagem.

Paramos em diversos pontos para mergulhar, e depois fomos conhecer a Gruta Azul (primeira foto acima).

O único problema é que todo o percurso do passeio era em águas protegidas por montanhas, exceto o trecho para conhecer a Gruta Azul. Esse trecho era em mar aberto. Bem, para resumir, o barco balançou muito mesmo, e duas moças que nos acompanhavam passaram mal... Bem, quem mandou exagerarem no café da manhã, certo ?

Foi um passeio fantástico...

Depois do passeio, retornamos para a Praia do Forte em Cabo Frio, e novamente pudemos provar aquela deliciosa "picanha" com arroz, farofa e o "molho de campanha"... Bem, é engraçado, mas fomos para a praia para comer "picanha" é engraçado, mas a "pícanha" estava muito bem servida em todos os lugares onde pudemos prová-la.

Bem, fiz uma promessa para mim mesmo... Amanhã vamos comer peixe !!!!

Dia D+5: Passeio em Cabo Frio - Praia das Conchas

2011-08-16 14:29 Chaveiro 2011-08-16 14:29 Chapéu Mãe 2011-08-16 14:29 Bermuda Preta Bá 2011-08-16 15:00 Praia das Conchas – caixinha guardador de carro

Praia de Peró 01.jpg
Praia de Peró mostrando ao fundo a peninsula que separa a Praia das Conchas da Praia de Peró- Cabo Frio
Praia das Conchas 01.jpg
Praia das Conchas - Cabo Frio
Praia das Conchas 02.jpg
Praia das Conchas - Cabo Frio
Praia das Conchas 03.jpg
Peninsula que separa a Praia das Conchas da Praia de Peró - Cabo Frio
Praia das Conchas 04.jpg
Praia das Conchas - Cabo Frio
Praia das Conchas 05.jpg
Praia das Conchas - Cabo Frio

Bem, Hoje vamos conhecer as outras praias de Cabo Frio.

Bem, o dia está meio frio, e está ventando muito, mas vamos para as praias assim mesmo.

Tomamos o caminho da praia de Peró, pois nos informaram que e a praia mais famosa de Cabo Frio.

Bem, chegamos até a praia de Peró, mas por infelicidade nossa, ela estava vazia. Todos os quiosques estavam fechados e o vento trazia muita areia. Bem, era realmente muito cedo... Poderíamos até ficar mais um pouco, mas o vento estava trazendo muita areia, e não achamos nenhum lugar para nos proteger da areia.

Tiramos uma foto (a primeira acima), só para documentar, e decidimos partir para a segunda praia mais conhecida do local, que é a praia das conchas, uma "praia familiar", protegida pelas montanhas ao redor e bem acolhedora.

Bem, retornamos pelo mesmo caminho que viemos, e chegamos novamente ao local que indicava a entrada para a Praia das Conchas. Grande parte do caminho não é asfaltado, mas é firme, e não tivemos problemas.

Novamente fomos recebidos pelo dono de um dos quiosques que nos indicou um local para estacionarmos e nos encamin hou para uma mesinha na praia.

A praia estava ainda meio vazia, mas o pessoal foi chegando e em pouco tempo havia muita gente lá.

A praia é realmente muito acolhedora e muito calma... Chegaram muitas famílias com crianças e foram se acomodando nas mesinhas dos quiosques ao lado do nosso.

Pudemos caminhar bastante, e visitamos o lado das rochas e o outro lado que faz ligação com a Praia de Peró.

Esta praia foi muito agradável.

Á tarde retornamos para Cabo Frio e fomos cumprir nossa promessa de comer peixe ao invés de picanha, e num dos restaurantes da Praia do Forte, pudemos saborear um delicioso filé de pescada empanado, com arroz, fritas e o famoso "molho de campanha"... Estava divino.

Retornamos à tardinha para a pousada e nos preparamos para retornar para casa no dia seguinte.

Dia D+6: Retorno para casa

O retorno também é parte da viagem.

Pudemos aproveitar a jornada de volta da mesma forma que aproveitamos a jornada de vinda.

Paramos em alguns restaurantes, compramos uma panela de barro para a preparação de algumas iguarias tais como feijoada ou moqueca de peixe...

Chegamos em casa à tardinha, sem maiores problemas, e ao chegar, pudemos ter o descanso merecido em nossa cama confortável.

Conclusão

Minha idéia ao preparar esse relato é poder apresentar minhas opiniões sobre os locais, restaurantes, possíveis passeios à quem estiver interessado.

Um grande abraço, e até minha próxima jornada.

Ainda não decidimos se será para as montanhas ou para as praias novamente, mas qualquer que for o nosso futuro destino, pretendo montar outra página como essa, apresentando as fotos, as opiniões e os passeios sugeridos.

Um grande abraço a todos.

Baronas

Ferramentas pessoais

contador de visitas