Mineirin

De Notas pessoais

MINEIRIN I

Dois 'minerinhos' conversando:
- Zé... fala uma coisa ruim!
- Minha sogra!
- Não, sô! Coisa ruim de cumê!
- A fia dela!!!

MINEIRIN II

Mineirim, miudinho, todo tímido embarca no ônibus de Divinópolis para BH.
Seu colega de poltrona, um branquelo fortão de 1,80 m de altura, com cara de poucos amigos.
O branquelo no maior ronco e mineirim todo enjoado com as curvas da estrada.
A certa altura mineirim não aguenta e vomita todo o jantar no peito do branquelo.
Mineirim no maior desespero e o branquelo ainda roncando.
Chegando em Betim, branquelo acorda, passa a mão no peito todo melecado.
Olha indignado e confuso pro mineirim, que imediatamente bate a mão no seu ombro e pergunta:
- Cê miorô?!?!

Ferramentas pessoais

contador de visitas