Nosso tamanho diante dessas imagens

De Notas pessoais

Nos anos de 1996 a 1997 tive a oportunidade de viajar por praticamente toda a América Latina visitando diversos bancos.

Poás Mirante

Poás Mirante

Numa dessa viagens, quando estive na Costa Rica, tive a oportunidade de visitar o vulcão Poás que não é um vulcão com a forma padrão de cone, mas está localizado como uma grande depressão entre diversas montanhas, e se diz que tem uma das maiores crateras do mundo.

Existe um mirante bem próximo da cratera principal (pois existe uma segunda cratera inativa neste vulcão) de onde se pode ver toda a dimensão desse vulcão.

Ao ver o tamanho dessa cratera, e da força que a criou e que ainda a mantém, eu me senti realmente pequenino, pois uma simples erupção, poderia acabar com todos os meus problemas, dívidas, projetos, pensamentos, etc.

In this travel, when I was in Costa Rica, I had the opportunity to visit the Poas Volcano that is not a volcano the standard form of cone, but it is located as a large depression between several mountains, and is said to have one of the largest craters in the world.

There is a gazebo right near the main crater (there is a second crater (inactive) in this volcano) where one can see the whole size of this volcano.

When you see the size of this crater, and the force that created and maintains it, I felt really small, because a simple eruption, could end up with all my problems, debts, projects, thoughts, etc..

Vulcão Poás à 2km de altura

Poás à dois km de altura 2km

O problema, é que mesmo com toda a sua grandeza, essa cratera mal pode ser vista do espaço, por exemplo, à dois kms de altura, ele já se torna um mero ponto azul, e por aí vai...

Como diz uma frase que achei na Internet, existem na natureza e no universo vastos territórios cheios de mistério, que tem um forte magnetismo, e um incrível poder de sedução, capaz de apaixonar todo aquele que se aproximar desses lugares, deixando-se abraçar pela imensidão de seus horizontes, até se entregar, rendido, frente a tão contundente demonstração da insignificância do ser humano diante de tamanha grandeza da natureza.

E assim, a vida continua...

Abraços,

Poas to two kilometers in height 2km

The problem is that even with all its grandeur, this crater can barely be seen from space, for example, from the first two kms high, he becomes a mere blue dot, and so on ...

As a phrase I found on the Internet, there are in nature and the universe vast lands full of mystery, which has a strong magnetism, and an incredible power of seduction, able to make anyone who comes near these places fall in love by it, leaving themselves to be embraced by the immensity of their horizons, to surrender, and surrender, before such a forceful demonstration of the insignificance of the human being facing of such grandeur of nature.

And so life goes on ...

Hugs (google translator had helped me with this translation),

Ferramentas pessoais

contador de visitas